Tudo sobre a trilha das Piscinas Naturais de Pedra Azul

Piscinas Naturais - Parque Estadual Pedra Azul - Domingos Martins - Dona Viagem

Você curte um desafio repleto de visuais de tirar o fôlego? Ok, não é só com o visual que você vai ficar sem ar, mas te garanto: vale a pena gastar calorias para chegar às piscinas naturais de Pedra Azul. Vem conferir esse espetáculo das montanhas capixabas!

PARQUE ESTADUAL DA PEDRA AZUL

Pedra Azul é uma das regiões de maior potencial turístico do Espírito Santo e está localizado a menos de 100km de Vitória, a capital do estado. Além da exuberante beleza natural que já deixa todo mundo maravilhado, a cena gastronômica é fortíssima e o ambiente é propício para ecoturismo e atividades ao ar livre, como trilhas e pedaladas. Além disso, segundo especialistas, ali você encontra o terceiro melhor clima do mundo.

A parte mais famosa do Parque Estadual da Pedra Azul é a romântica Rota do Lagarto, uma estrada com 7km de extensão e charme espalhado para todos os lados. Essa rota liga as rodovias BR 262 e ES 164, é de baixa velocidade e feita para ser apreciada sem pressa.

Para quem não está habituado, a Pedra Azul tem esse nome por conta da coloração azulada e nela está o “lagarto”, uma formação rochosa que se parece com um lagarto tentando subi-la.

Pedra Azul - Domingos Martins - Dona Viagem
Olha aí a Pedra Azul e o lagarto tentando subir

ESTRUTURA

O Parque Estadual da Pedra Azul conta com estrutura adequada para receber tanto os aventureiros quanto aqueles que só querem tirar uma foto mesmo. Na base do parque existe estacionamento gratuito, restaurante, loja com souvenires e banheiros.

Base Pedra Azul - Domingos Martins - Dona Viagem
Base da Pedra Azul

ACESSO ÀS TRILHAS

As duas primeiras coisas que você precisa saber antes de encarar as trilhas são:

  • A entrada é gratuita;
  • Existe um limite máximo de 150 pessoas por dia, ou seja, chegue cedo.

O acesso fica na Rota do Lagarto e, se você acha que já vai dar de cara com o portão de entrada para iniciar as trilhas numa boa, doce ilusão. Do lado dessa estrutura que falei aí em cima tem um portal indicando o início da aventura e se o limite de 150 pessoas já foi atingido. Passando esse portal, você tem que subir uma ladeirinha de 800 metros até chegar no ponto de cadastro.

Piscinas Naturais - Parque Estadual Pedra Azul - Domingos Martins - Dona Viagem
Portal com o aviso das 150 pessoas
Piscinas Naturais - Parque Estadual Pedra Azul - Domingos Martins - Dona Viagem
Subidinha pra aquecer a musculatura

 

Percorridos os 800 metros, chega-se na portaria das trilhas de fato. Ali você vai preencher um cadastro com seus dados e um guia vai te explicar como as trilhas funcionam. É bem tranquilo e está tudo sinalizado. Ali você também encontra um bebedouro para encher sua garrafinha com água – acredite, você vai precisar.

Detalhe: antes de chegar na portaria do parque, tem um campo de cerejeiras à direita de quem sobe. Vale a pena dar uma voltinha ali em algum momento para tirar umas fotos!

AS TRILHAS

As trilhas do parque são interligadas, então vou citar aqui o esquema para fazer tudo de uma só vez. O passeio total, feito sem pressa e por quem tem um condicionamento físico ok (não precisa ser atleta), tem aproximadamente 4km e vai ser feito entre 2 e 3 horas.

Trilha do Cedro Sentado

É por essa trilha que seu passeio vai começar. Num trajeto de 600 metros com nível de dificuldade baixo (não chega a ser reto, mas as subidas são tranquilas), você caminha em meio à natureza até a primeira parada, o Mirante da Pedra Azul. Em seguida você continua o trajeto até o Mirante do Forno Grande, que fica bem no rabo do lagarto.

Mirante Forno Grande - Parque Estadual Pedra Azul - Domingos Martins - Dona Viagem
Mirante Forno Grande

Saindo de lá você vai seguir em direção à trilha das piscinas naturais de Pedra Azul. É aí que a coisa começa a complicar um pouco.

Trilha das Piscinas Naturais

O acesso às piscinas naturais demanda um pouco mais de preparo e um tanto mais de coragem, pois é necessário encarar uma subida com quase 100 metros de extensão sobre a pedra, tendo apenas uma corda como apoio. Não vou mentir, é complicadinho, dá um medinho, mas chegar lá em cima compensa todo o esforço.

Ao todo são nove piscinas naturais esculpidas pela chuva, vento e tempo. A água é bem geladinha e o banho é permitido. Lembrando que se você for numa época seca, existe a chance de encontrá-las praticamente vazias.

Piscinas Naturais - Parque Estadual Pedra Azul - Domingos Martins - Dona Viagem
O visual é lindo!

A descida pode ser feita pelo mesmo lugar que subiu ou por outro ponto na frente das piscinas, o que não dá é para fugir das cordas.

INFORMAÇÕES

  • Para fazer as trilhas é altamente recomendado que você vá com roupas confortáveis e tênis antiderrapante. Leve garrafinha com água, boné, protetor solar e repelente
  • Não é permitido entrar com animais domésticos na trilha;
  • É proibido fumar, por conta do risco de incêndio;
  • É proibido levar bebida alcoólica;
  • Consulte a previsão do tempo antes de ir. Dias chuvosos fecham a trilha para as piscinas naturais e dias de estiagem prolongada podem fechar o parque;
  • As trilhas são auto guiadas;
  • Passeios com grupos e escaladas devem ser previamente agendadas no site do Iema;
  • Horário de funcionamento: Terça à domingo das 08h00 às 17h00;
  • Reforçando: principalmente no fim de semana e feriado, chegue cedo! O limite é de 150 pessoas por dia.

Aproveite ao máximo essa que é uma das regiões mais lindas do Espírito Santo!

Para mais informações, visite o site do Parque Estadual da Pedra Azul.

Saiba mais sobre Pedra Azul e Domingos Martins.

Hotel Eco da Floresta: seu refúgio em Pedra Azul

Montanhas Capixabas: Campinho, Domingos Martins

19 Comments on “Tudo sobre a trilha das Piscinas Naturais de Pedra Azul”

  1. Terceiro melhor clima do mundo? Não fazia ideia que seria no Brasil! rsrsrs! E confesso que nunca havia ouvido falar nesta trilha (mais lugares do ES que eu não conhecia). Acho que é uma trilha que, mesmo os menos acostumados, dá para fazer. Só achei mais tensa a parte de subir com a corda, mas quem ama viajar e desbravar tem mais é que meter a cara i ir! Sem dúvida, este visual, ao final, faz valer à pena!

    1. A parte da corda é puxadinha, mas rápida. Dá para sobreviver!! rs O ES tem um potencial turístico gigantesco, pena que ainda é mal divulgado..

  2. Oi.,
    Não acredito que fomos para Vitória em 2016 e que achei que tinha nada para fazer .. Na verdade, choveu tanto que me senti meio que presa na cidade e no shopping, tentando divertir meus filhos.
    Gostei muito saber desse parque e certamente que voltaremos quando formos para ES. Tem outras dicas de lugares assim?

    1. A chuva realmente dá uma atrapalhada na diversão, mas tem bastante coisa pra fazer por Vitória e arredores, inclusive com crianças! Tem o Parque Botânico da Vale, o Parque da Petrobrás, praias, muita coisa de ecoturismo.. Vão curtir bastante!

  3. Nossa! Nunca tinha ouvido falar dessas piscinas, que legal! A trilha parece um pouco pesada pra mim no momento, mas já é a deixa pra eu preparar o físico e encarar pra conhecer essa belezura!

    1. O local é maravilhoso!! Mesmo na parte mais puxadinha, dá pra parar várias vezes pra descansar. Vai na fé! rs

  4. Não sou muito de trilha mas com essa vista vale tudo. hahaha! Achei lindaaas essas piscinas. Mas preciso me preparar o físico para encarar! haha. Obrigada pela dica.

  5. Que legal o seu post! Nunca tinha ouvido falar sobre essa trilha no Espírito Santo, mas já me animei em conhecer! Adoro ecoturismo e percebi que a estrutura do lugar é bem legal! Parabéns pelas fotos e pelas dicas!

  6. Gente! Eu sou capixaba e nem sonhava com essa trilha! Que lindas as piscinas! Já fui a Pedra Azul várias vezes, mas sempre fiz utras programações, já quero muito e salvei o post na listinha!!

  7. Essa Trilha das Piscinas Naturais eu faço questão de fazer, e vou te levar comigo, então prepara que vai repetir o passeio! O bom é que já vale o esforço como atividade física da semana inteira… Acho que o melhor das trilhas é a recompensa de chegar ao final, melhor ainda quando envolve uma montanha e piscinas naturais.

  8. Que lugar lindo! Adorei o visual de toda trilha, mas as piscinas naturais realmente são uma graça! E achei bem bacana a estrutura do parque e a questão de limite de pessoas. Você não entrou nas piscinas?

  9. Eu só ouvi falar desse lugar com você, nunca vi ninguém falando sobre ele! Adorei saber e mais ainda saber que gastronomia é boa! Achei lindo o lugar, mas acho que a trilha mais pesada, a das piscinas naturais, não é pra mim!!

    1. A trilha não é super facinha, mas qualquer um com pernas boas consegue fazer! Acredito no seu potencial! 😉

  10. Uma pergunta curiosa: como voce descobriu esse lugar? kkkk
    Eu amo trilhas, e confesso que gostaria que meu condicionamento fisico me ajudasse um pouco mais, para aproveitar melhor rs.
    Voce nao entrou nas piscinas???

    1. Eu sou do Espírito Santo e essa região de Pedra Azul é uma das mais turísticas do estado 🙂 Até queria ter entrado na piscina, mas tinha compromisso depois e não ia dar pra sair toda molhada.. Kkkkk

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *