Oi, prazer, meu nome é Manuela e tenho aversão a arrumar mala.

Se existisse uma espécie de grupo de ajuda para viajantes contarem seus problemas, com certeza essa seria minha frase de abertura!

Ver coisas de viagem é uma alegria imensa para mim. Adoro toda a preparação, como pesquisar passagens, roteiros e pensar em tudo que vou fazer… Até a viagem se aproximar e chegar o dia de arrumar mala.

Eu gosto muito de ser mulher, muito mesmo, mas em apenas 2 momentos da minha vida (até hoje) eu desejei ser homem: quando preciso fazer xixi na balada (principalmente se for banheiro químico) e na hora de escolher o que eu vou levar de roupa para minha próxima viagem.

Sou uma mocinha organizada, prática, não levo duas malas de 23kg pra passar um fim de semana na praia, mas existe um bloqueio muito mais forte do que eu!! Simplesmente não consigo parar 30 minutos ininterruptos para selecionar as roupas e enfiar na bolsa.

Esse bloqueio não existe só nas viagens mais complexas, como aquelas que no mesmo dia você pega 30ºC e 0ºC (vide meu post sobre o Atacama), mas isso acontece como no exemplo acima, de passar um fim de semana na praia. E vamos combinar, essa é uma das malas mais fáceis de fazer! Basta enfiar dois biquínis, duas saídas de praia, um vestido, um short, duas blusas e voilá!

Meu primeiro problema: pensar na programação para selecionar as roupas.

Por mais que já esteja tudo definido, parece que nessas horas você encontra nada no armário que agrade, o que você quer levar está sujo ou então imagina que toda a programação pode mudar e você não estará preparada! Vamos combinar, homem coloca duas bermudas, uma calça e quatro camisas na bolsa e tem roupa para 1 semana e para todas as situações, de jogar bola a uma festa badalada. Mulher não……

Meu segundo problema: me concentrar.

Sério, eu acho arrumar mala uma função muuuuuuuuito chata, então enrolo o máximo possível para realizar essa missão. Se eu invento de tentar virar uma pessoa melhor e arrumar com antecedência, geralmente acontece o seguinte: pego as meias e roupas íntimas (mais fácil impossível), aí vou pra cozinha comer, depois assisto MasterChef, aí pego o pijama, lembro que preciso contar aquela fofoca pras amigas no WhatsApp e, quando me dou conta, já é hora de dormir… Como está a mala? É, não está…

A solução: trabalhar na pressão.

Chega uma hora que simplesmente enrolar não é mais opção, afinal, não dá para viajar só com a roupa do corpo (que por sinal também tenho dificuldades para escolher, principalmente em viagem longa de avião). Então o que fazer?

Para a minha mala sair do estado vegetativo e ficar cheia de itens que me acompanharão na próxima aventura, espero até a última noite antes da viagem, quando não tem mais jeito! Aí a pressão fala mais alto e arrumo ou arrumo, reduzindo as duas horas de MasterChef para 30 minutos de Big Bang Theory! Mas claro que sempre ficam aqueles itens que só vão entrar na mala na hora de sair de casa…  😎

Difícil essa vida de viajante né?!  😉

Quem quiser uma ajudinha de como facilitar esse processo, dá uma conferida aqui no post da Diana Viaja com 12 Dicas Para Arrumar a Mala de Viagem Sem Sofrer!

E não deixe de conferir outras Confissões de Uma Viajante!!


Você é uma pessoa evoluída e consegue arrumar a mala sem dificuldades ou tem probleminhas que nem eu??? Me conta aqui nos comentários!!!

Confissões De Uma Viajante: Arrumar mala
Classificado como:

4 ideias sobre “Confissões De Uma Viajante: Arrumar mala

  • 25/05/2017 em 17:06
    Permalink

    Kkkkk realmente fazer mala é chato, mas tem coisa mais chata que DESARRUMAR a mala? hahaha a minha fica dias ali no cantinho, e vou tirando as roupas aos poucos. Primeiro todas as sujas vão direto pra máquina… o negócio é guardar as limpas no armário rsrsrs
    A minha estratégia para não esquecer nada e conseguir pensar com calma é começar a arrumação com antecedência. Tipo 1 semana antes já tiro a mala do maleiro e começo a colocar os itens mais básicos… outra estratégia é montar por looks… essa calça com 3 camisetas diferentes… 2 ou 3 looks pra balada… e assim por diante (claro, dependendo do numero de dias).
    Mas se você só funciona na pressão, aí não tem jeito… se esquecer alguma coisa, o negócio é comprar no caminho do aeroporto (se não estiver atrasada) ou no lugar de destino mesmo. Beijão

    Resposta
    • 26/05/2017 em 09:59
      Permalink

      Desarrumar mala é assim mesmo!! Hahahah Roupa suja pra lavar e durante a semana vou tentando usar o que restou na mala pra não precisar guardar! Kkkkk

      Beijos!

      Resposta
  • 31/05/2017 em 20:20
    Permalink

    Olha, eu também acho um porre, a parte mais chata da viagem, e pior do que arrumar a mala pra viajar a passeio, eu faço isso praticamente todo domingo porque viajo muuuuiito a trabalho. Eu inclusive acho que arrumar mala deveria estar inclusa nas minhas horas trabalhadas e pegar o vôo só as 10h pra eu ter tempo de arrumar na segunda-feira de manhã hahha. Mas se tem uma coisa que aprendi pelo menos com arrumação de mala toda semana é ser prática rs. Já passei duas semanas inteiras em Fortaleza com uma malinha de mão hehe.

    Resposta
    • 01/06/2017 em 10:26
      Permalink

      Duas semanas com uma mala de mão??? Aí é demais pra mim.. Kkkkkkk

      Fico feliz que compartilhe do mesmo drama que eu! Arrumar mala é muito chato!! Acho que se eu estivesse no seu lugar mal mal desfaria mala.. Já emenda uma semana na outra! Kkkk

      Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *