Nas ondas de Bocas Del Toro

Se por acaso você me perguntar “Manu, achei seu post Um paraíso chamado San Blas super legal (obrigada 😉 ), mas queria encontrar um mar como esse no Panamá, porém com mais infra estrutura e agito.. O que recomenda??”. Meu caro leitor, a resposta está na ponta da língua! Arrume as malas e vá para Bocas Del Toro!

BOCAS DEL TORO

Bocas Del Toro é um balneário localizado no norte do Panamá e formado por um conjunto de ilhas. A principais são Isla Colón e Isla Bastimentos. Na primeira está localizada Bocas Town, o centro de Bocas Del Toro. Ali você encontra diversas opções de hospedagem, restaurantes, agências, aeroporto e algumas importantes praias, como a Playa Estrella e Playa Bluff. Na segunda também tem várias opções de hospedagem e nela estão os principais pontos de visitação de Bocas Del Toro, como Cayo Zapatilla e Red Frog Beach, ambos pertencentes ao Parque Nacional Marino.

Playa Estrella mar - Bocas Del Toro - Dona Viagem
Não faltam praias com essa água transparente para você aproveitar!

CLIMA

Por estar localizado numa região extremamente tropical, com muita vegetação, Bocas Del Toro é quente e úmido. Isso significa que pode se preparar, porque provavelmente vai chover quando você estiver lá.

De acordo com minhas pesquisas com os locais, a época com menor chance de pegar dias muito chuvosos é da segunda quinzena de janeiro ao final de março. E de fato, passei o carnaval por ali e a chuva não me atrapalhou.

Estamos acostumados a ouvir falar sobre a “hora da chuva” como sendo à tarde, mas, coincidência ou não, durante os 5 dias que estivemos lá o clima foi igual: de manhã ficava nublado/chuviscando e a tarde abria aquele sol de doer a pele! O único dia que pegamos chuva abundante foi na hora de ir embora, o que não atrapalhou nosso passeio.

COMO CHEGAR

Ir para Bocas Del Toro não é complicado. Você pode escolher entre os dois modos mais tradicionais: via terrestre ou aérea.

  • Terrestre: saindo da Cidade do Panamá (por sinal, já conferiu o post Se surpreenda com Panama City?), são aproximadamente 9 horas de estrada. Existem linhas de ônibus fazendo esse trajeto direto e o ticket custa uma média de U$35,00. Você segue com o ônibus até Almirante e de lá pega uma lancha para as ilhas.
  • Aérea: os voos internacionais chegam na Cidade do Panamá através do Aeroporto Internacional Tocumen (PTY), mas não é dele que saem os voos para Bocas Del Toro. Para quem for direto Brasil-Bocas, fique atento sobre a troca de aeroporto. Os voos para Bocas Del Toro saem do Aeroporto Internacional de Albrook (PAC). Eles possuem 1 hora de duração e são operados pela cia Air Panamá em pequenos aviões Fokker 50. Os trechos custam em média U$85,00.

Curiosidades e informações importantes para quem vai de avião:

  • O limite de bagagem é de 14kg. Acima disso terá cobrança de excesso;
  • Pranchas de surfe são permitidas mediante pagamento de taxa;
  • Guarde o seu comprovante de bagagem. Nos dois aeroportos não existe esteira de malas. Os funcionários pegam uma a uma e entregam por um buraco na parede, gritando o número da mala. Você precisa apresentar o comprovante para retirá-las;
  • No desembarque de Bocas Del Toro é cobrada uma taxa de U$3,00 por pessoa. Isso para nós, gringos. Mas vou ser sincera, eu quase passei direto. Só cobraram porque parei para ver o que outra família estava pagando e nos chamaram também (vacilona). Além disso, em nenhum outro momento da viagem foi cobrado o comprovante de pagamento dessa taxa;
  • O aeroporto de Bocas Del Toro fica a 700m do centro, ou seja, você pode ir andando. Se optar por ir de táxi, no nosso caso cobraram U$2,00 por pessoa e estávamos em 4.

HOSPEDAGEM

Bocas Del Toro tem hospedagem para todos os gostos. Na verdade não tem rede internacional por lá e não espere muito luxo, mas a maioria parece bem aconchegante e charmosa.

Quando fiz minha pesquisa sobre onde me hospedar acreditei que Bocas Town seria a melhor opção, por ser no centro e estar perto de restaurantes e mercados. Porém ficamos na Isla Bastimentos e vou te contar, foi perfeito! Claro que isso vai depender muito do perfil do viajante, então vou separar por estilo para você tentar encontrar o que melhor se encaixa no seu.

Atenção: cuidado com fotos de site. Vi muita hospedagem lá que me deixaria nervosa se eu tivesse reservado…

Aqua Lodges – Punta Caracol e Eclypse Del Mar

Os Aqua Lodges – que também são Ecolodges – são aqueles bangalôs estilo Bali, uns encantos! Eles são perfeitos para quem busca sossego e privacidade.

O Punta Caracol é o cartão de visitas de Bocas e está localizado na Isla Colón, mas longe de Bocas Town. Por ser uma referência tão especial, o preço acompanha a fama. Quem for à Playa Estrella passa na frente dele, e te digo que deu vontade de ficar por ali!

Punta Caracol - Bocas Del Toro - Dona Viagem
Olha essa água do Punta Caracol!

O Eclypse Del Mar foi a nossa opção. Eu viajei com meus pais e irmão e, como era carnaval, tudo estava lotado em Bocas Town e o Eclypse foi a melhor opção que encontramos. Posso te falar? Foi a melhor coisa que nos aconteceu! A cidade estava um caos por conta do feriado e o Eclypse deu a paz que precisávamos. O atendimento foi excelente, as refeições eram uma delícia (experimente o Pollo Queso Azul – Frango ao molho de gorgonzola) e o visual era sensacional! O Lodge possui alguns bangalôs, mas acabamos ficando na Villa, um apartamento de 2 andares com 3 quartos, rede, espreguiçadeiras, uma vista top, chuveiro externo privativo e muita privacidade. Amamos!!! Para ir à Bocas Town era super simples, bastava pagar U$3,00 por pessoa e 5 minutos de lancha.

Eclypse Del Mar bangalos - Bocas Del Toro - Dona Viagem
Eclypse Del Mar, com seus bangalôs e nossa Villa ao fundo

Perfil: quem busca sossego e privacidade.

Hotéis – Bocas Town e El Limbo

Tanto Bocas Town quanto Bastimentos possuem muitas opções de hotéis/pousadas. Eu entrei em nenhuma, mas duas que me chamaram a atenção e acho que valem ser pesquisadas são o Hotel Bocas Town e o Hotel El Limbo.

Ambos são muito similares, tanto que estão praticamente um ao lado do outro. A localização deles em Bocas Town é muito boa, bem no centro e com uma vista linda para o mar.

No dia de ir embora almocei no restaurante do El Limbo e foi ótima a experiência. A comida estava gostosa e a vista é realmente bacana.

Bocas Town - Bocas Del Toro - Dona Viagem
Bocas Town, com a entrada do El Limbo à frente e o Hotel Bocas Town fica um pouco adiante

Perfil: quem quer ficar bem centralizado e sem gastar muito.

Hostel – Selinas

Achei o Hostel Selinas uma graça!! Ele tem duas unidades. A primeira fica em Bocas Town, muito bem localizada, e é famosa pelo happy hour e festas. A segunda fica em Red Frog, na Isla Bastimentos, sendo perfeita para surfistas. Também existe transporte fazendo a ligação entre as duas unidades para que ninguém perca o que a outra tem de melhor!

Hostel Selina Red Frog - Bocas Del Toro - Dona Viagem
Área de convivência do Selina Red Frog

Perfil: econômico que procura diversão.

PASSEIOS E TRANSPORTES

Em Bocas Del Toro as estrelas são as praias. Como a cidade é um arquipélago, o principal meio de transporte são as lanchas. Só se chega de ônibus/táxi em praias da Isla Cólon.

Lancha - Bocas Del Toro - Dona Viagem
Hello lanchas!

Em Bocas Town você vai encontrar diversas agências, mas os passeios são basicamente os mesmos, incluindo os preços. Para quem viaja no modo econômico e em até duas pessoas, os tours regulares são as melhores opções. Para quem está em 3 pessoas ou mais, seja no modo econômico ou não, sugiro fortemente pegar o tour privado, pois vale a pena. O valor final fica o mesmo e você tem muito mais flexibilidade. Ah, e negocie sempre, principalmente no tour privado. Eles vão baixar o preço. 😉

Preço passeios - Bocas Del Toro - Dona Viagem
Preço dos tours regulares

Para conhecer os principais pontos turísticos, 3 dias em Bocas Del Toro é suficiente. Nós ficamos 4 dias e fizemos os mesmos passeios, mas com mais calma. Falando nisso, dependendo de onde você for nem precisa pagar passeio. Basta pegar uma lancha/táxi boat para ir e outra para voltar, fica mais em conta. A diferença é que no passeio o barco fica à sua disposição e no táxi boat ele vai ter largar lá e você pode combinar um horário para te buscar. Fizemos isso para ir à Red Frog Beach e pagamos um total de U$10,00 por pessoa. Por sinal, seguem alguns valores de táxi boat (valor por pessoa – por trecho):

  • Bocas Town/Bastimentos – U$3,00
  • Bocas Town/Red Frog Beach – U$5,00
  • Bocas Del Drago/Playa Estrella – U$1,50

Um hábito que nos deixou intrigados foi a respeito do abastecimento das lanchas. Não sei por qual motivo os capitães primeiro pegam os passageiros para depois pararem no “posto” para abastecer. Não seria mais indicado fazer o contrário?? Se alguém souber o motivo, compartilhe aqui nos comentários!! Em alguns “postos” era meio indiferente parar, mas tinham outros que pelo amorrrrrrrrrrr!! Era um cheiro de esgoto que embrulhava o estômago! Outra mania bem comum é te transferirem de lancha. Em 85% das vezes que pegamos lancha fomos transferidos para o barco do primo/tio/cunhado (sim, todo mundo é parente lá) e percebemos que é algo muito habitual!

ROTEIRO

Nosso roteiro por Bocas Del Toro incluiu 5 noites/4 dias e foi ótimo! Deu para fazer tudo com calma e curtir bem a região. Como falei anteriormente, com 3 dias você consegue fazer os principais passeios também.

Os passeios costumam sair às 9h45 e retornar entre 16h e 17h, depende onde você vai. Tem nada de alimentação incluída, então leve seus petiscos e bebidas, mas todos param em algum lugar para almoçar. Sobre jantar, comemos no hotel todas as noites.

1º dia – Pode perguntar para o povo, Cayo Zapatilla é a atração número 1 de Bocas Del Toro! Assim sendo, foi por ali que começamos nossa aventura,  num trajeto de mais de meia hora de lancha.

Cayo Zapatilla é formada pela Zapatilla 1 e Zapatilla 2, sendo esta a maior e mais visitada. Como está localizada no Parque Nacional Marino, é cobrada uma taxa de U$10,00 por pessoa para desembarcar ali. A ilha conta com a famosa água azul-turquesa-cristalina-linda-de-morrer e tem uma trilha bem tranquila de 1,8km que leva à dois outros pontos da ilha. Recomendo dar essa voltinha! O outro lado é lindo!

Zapatilla 2 - Bocas Del Toro - Dona Viagem
É esse visual que encontramos na trilha por Zapatilla!
Zapatilla 1 - Bocas Del Toro - Dona Viagem
Em Zapatilla 1, com vista para Zapatilla 2

Saindo de Zapatilla 2 paramos na Zapatilla 1 para conhecer um pouco. Isso foi possível porque estávamos num tour privado. A ilha é pequena e ficamos ali pouco tempo, só aproveitando o sol que resolveu aparecer. De lá seguimos para Cayo Coral, um ótimo ponto de mergulho e onde almoçamos. Nossa opção foi o Restaurante Jasmin, com comida típica da região. Por sinal, acostume-se! O prato típico é formado por arroz de coco, salada, patacones (banana verde frita e amassada – delícia) e proteína, sendo geralmente do mar.

Prato - Bocas Del Toro - Dona Viagem
Prato típico panamenho (foi mal pelo prato já mexidinho.. culpa da fome..)

2º dia – Nesse dia também pegamos um tour privado, dessa vez em direção à Bocas Del Drago e Playa Estrella, ambas na Isla Colón. Dava para ter incluído a ida até Isla Pájaros, mas para chegar lá é mar aberto e nesse dia estava muito batido.

Bocas Del Drago é um conjunto de mini praias, com pouca gente e bom restaurante. Começamos o dia visitando essa praia, com direito a uma paradinha para água de coco (por sinal, a mais barata que achamos – U$1,00). De lá seguimos para Playa Estrella, uma das mais famosas de Bocas Del Toro. Sabe o que isso significa?? Tinha gente a rodo por ali.

Bocas Del Drago pier - Bocas Del Toro - Dona Viagem
Bocas Del Drago

Playa Estrella tem esse nome por conta das estrelas-do-mar encontradas por ali, mas vou ser bem sincera, eu custei para achar duas! Outra coisa, é proibido tirá-las do mar, tudo para que possam ser preservadas. Essa praia possui vários bares/restaurantes e, não sei se era por conta do carnaval, mas era uma competição de quem colocava reggaeton (estilo musical latino) mais alto, algo que virou um incômodo. Para fugir do fuzuê, andamos em direção ao lado esquerdo da praia, onde tinha quase ninguém, um mar de transparência incrível e bem rasinho.

Playa Estrella - Bocas Del Toro - Dona Viagem
Nosso cantinho calminho na Playa Estrella

Após a curtir a Estrella, voltamos à Bocas Del Drago para almoçar. Sentamos no Restaurante Yarisnori e de lá voltamos para nosso hotel.

3º dia – Dia de curtir a praia mais famosa pelos surfistas: Red Frog!

Essa praia fica localizada na Isla Bastimentos e optamos por pegar um táxi boat para nos deixar lá. Como a praia é de mar aberto, o desembarque é feito do outro lado da ilha, onde o mar é calmo. Ali é necessário pagar uma taxa de U$5,00 por pessoa para cruzar uma propriedade particular e chegar na praia. É uma caminhada fácil de 10 minutos e, ao chegar, você se depara com uma praia liiiiiiiinda, com uns 800m de extensão, água estilo 50 Tons de Azul e muitas ondas. Tome cuidado com a correnteza, é bem forte.

Em Red Frog existem restaurantes, hostel, hotel e marina. Caminhando até o final do lado direito se chega num mirante, com uma vista linda para a praia toda. Curtimos o dia por ali e almoçamos no Restaurante Punta Lava, logo antes do mirante. Os pratos são muito bem servidos e, de acordo com minha mãe, foi o melhor jugo de fresa (suco de morango) que ela tomou em todo Panamá!

Mirante Red Frog Beach - Bocas Del Toro - Dona Viagem
No mirante de Red Frog

Após o almoço caminhamos até a Turtle Beach, num passeio de 5 minutos, super perto. A praia é perfeita também!!! É no mesmo estilo que a Red Frog, porém com menos ondas e menos correnteza. Foi perfeita para curtir um momento pós almoço!

Turtle Beach - Bocas Del Toro - Dona Viagem
A linda Turtle Beach!

O que apreciamos muito nessas duas praias (e nas de surfista em geral) é que tem menos gente e, as que estão lá, são pessoas interessantes. Nas praias de mar calmo é mais comum (pelo menos assim foi durante minha estadia) o que chamamos carinhosamente de “farofada”, ou seja, muita muvuca e um pessoal não tão interessante..

4º dia – Nosso último dia de praia e aproveitamos para conhecer a Playa Bluff. Ela fica localizada na Isla Colón e é bem perto de Bocas Town, aproximadamente 6km de distância. Muita gente faz esse trajeto de bicicleta. Nós fomos de táxi e vou te falar, vi gente passando um perrenguinho.. As bicicletas alugadas são daquelas básicas, sem marcha, e no caminho tem algumas subidas, além de um bom trecho em estrada de areia esburacada. Resumo: acho válido o passeio de bike, mas vá com preparo e psicologicamente pronto!

Playa Bluff - Bocas Del Toro - Dona Viagem
Nesse dia o mar estava quase calmo na Playal Bluff..

Assim como a Red Frog, a Playa Bluff é destino certo dos surfistas. Ela possui mar aberto, com muitas ondas e correnteza. Pela orla é possível encontrar opções de hospedagem e alguns restaurantes. Nós almoçamos no Restaurante Playa Bluff Lounge. O atendimento foi bacana, a comida estava gostosa, a localização é ótima, mas fizeram uma confusão danada com nossos pedidos, a comida demorou para chegar e faltavam várias opções do cardápio. Pode ter sido um dia de azar, não sei…

Depois de todos esses dias em Bocas Del Toro tive a certeza de que você não precisa de um hotel luxuoso para ter uma ótima viagem. A simplicidade e as belezas naturais são fascinantes e aposto que vão te encantar também! 🙂

Eclypse Del Mar restaurante - Bocas Del Toro - Dona Viagem
Curta muito esse visual!

Saiba mais sobre o Panamá e suas outras belezas no post abaixo!

Acredite: Vá visitar o Panamá!


Gostou do post?? Deu vontade de conhecer Bocas Del Toro?? Compartilhe suas experiências e opiniões aqui!! E claro, não esqueça de assinar o blog para receber todas as news em primeira mão! 😉

5 Comments on “Nas ondas de Bocas Del Toro”

  1. Bom dia, Com quanto tempo planejou essa viagem? Pode me falar o valor total gasto, ou o valor aproximado.?
    Desde já agradeço.

    1. Bom dia Gabriela!

      Eu não sei o valor exato gasto, pois resolvi ir de última hora com meus pais e eles já tinham fechado muita coisa. Mas a viagem foi programada com uns 3 meses de antecedência porque encontramos um promoção de passagens excelente para lá, lembro que a econômica saiu por 1800 reais com taxa. Uma vez no Panamá, é possível fazer uma viagem bem em conta, pois tem opção para todos os bolsos.

      Recomendo muito essa trip, o Panamá me surpreendeu.

  2. Boa noite ! É possível fazer o trajeto da cidade do pánama para Bocas Del toro de carro alugado?

    Obrigada.

    1. Boa noite! É possível sim, sendo uma viagem de aproximadamente 9 horas. Lá você provavelmente não vai usar o carro e de avião são 50 minutos de voo. Vale a pena ver se compensa ir de carro mesmo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *