A Escandinávia, de acordo com nosso amigo Wikipédia:

É uma região geográfica e histórica da Europa Setentrional e que abrange, no sentido mais estrito, a Dinamarca, a Suécia e a Noruega. Num sentido mais amplo, o termo pode também abranger a Finlândia, as ilhas Feroe e a Islândia.

Vamos nos conter ao sentido mais estrito, pois em agosto de 2017 pude conhecer a Dinamarca, Suécia e Noruega. Finlândia e Islândia estão nos planos, mas ficaram para uma próxima vez.

Conhecer a Escandinávia é algo que sempre sonhei e te adianto que, apesar de não ser um destino tão procurado pelos brasileiros, vale cada real (ou coroa) investido.

Essa região tem algumas peculiaridades que todo viajante precisa saber antes de ir. Dá uma conferida!

COISAS QUE VOCÊ VÊ NA ESCANDINÁVIA

1. Coroas

A Escandinávia faz parte da União Européia, mas não aderiu ao Euro. Isso significa que você vai ter que trocar dinheiro em cada país que for. Na Dinamarca é Coroa Dinamarquesa (DKK), na Suécia é Coroa Sueca (SEK) e, adivinha só, na Noruega é Coroa Norueguesa (NOK). Quando fui a cotação era:

€1 = 7,24DKK = 9,02SEK = 8,87NOK

Troque o dinheiro com cautela para não perder com o câmbio. E não se iluda, cada país só aceita a própria moeda.

2. A Escandinávia não é barata

É bem possível que você acabe gastando um pouco mais indo para a Escandinávia do que para outros países da Europa, tudo depende do estilo de viagem que quer levar.

Para ter um ideia, andar 4km pode te custar €12 se for de Uber ou €24 se optar pelo táxi. O preço médio da cerveja é €10.

3. Água da torneira

A água da torneira na Escandinávia é uma das mais limpas e puras do mundo, sendo até premiada. Não gaste coroas à toa e beba água da torneira (ou tap water) sem medo de ser feliz.

Escandinávia - Dona Viagem
Na Escandinávia tem bactéria não.. 😉

4. Povo educado, mas com restrições

Ninguém questiona a educação dos norte-europeus. Não se joga lixo no chão, um respeita o espaço do outro, etc. Contudo, entretanto, porém, existem duas palavrinhas mágicas que passam longe do vocabulário deles: “com licença” e “desculpa”.

É super comum você estar andando na rua e alguém passar quase te carregando junto, sem pedir licença antes ou desculpa depois que quase te derrubou no chão. Se for em algum lugar cheio então, pior. Ainda te culpam por estar na frente. Eles dizem que esbarrar nos outros é normal e não precisa pedir se desculpar por isso.

5. Demonstração de afeto

Além dessa estranheza citada acima, deu para perceber que os escandinavos não são muito chegados à demonstração de carinho em público. São pouquíssimos os casais que você vê se beijando, inclusive nas baladas.

6. Banheiro unissex

No Brasil e na maioria dos lugares que conhecemos os banheiros são divididos em feminino e masculino, certo? Só que a Escandinávia tem um projeto bacana de igualdade entre os gêneros, o que rendeu banheiro unissex em vários lugares. Vários mesmo. Então não estranhe se entrar em um banheiro e der de cara com alguém do sexo oposto lá dentro.

7. Licença paternidade

No Brasil temos os famosos 4 meses de licença maternidade e 5 dias (um absurdo) de licença paternidade. Na Escandinávia, principalmente na Suécia, essa luta pela igualdade de direitos é tão forte que a licença é de 480 dias, sendo 60 dias obrigatórios a um dos pais e os outros 420 dias podem ser divididos como desejarem. Isso vale para adoção também.

Por conta dessa lei, é muito comum ver homens sozinhos com seus bebês na rua. Coisa de primeiro mundo.

Se quiser saber mais sobre o assunto, veja a ótima matéria Como ser mãe na Escandinávia.

8. Gorjeta

Na Escandinávia existe uma paridade de salários. Todo mundo ganha mais ou menos a mesma coisa. Isso significa que não é praxe deixar gorjeta para garçom. Se quiser ser gentil, fique à vontade, mas se não quiser deixar ninguém vai te olhar de cara feia.

9. Animais

A impressão que dá é que todo mundo tem animal de estimação na Escandinávia e eles entram em praticamente todos os lugares, de restaurantes à transporte público. Quando não é permitido tem uma plaquinha na frente. Se quiser viajar com seu bichinho, essa região é um ótimo destino.

10. Trolls

De acordo com a mitologia escandinava, os Trolls são criaturas enormes e fedorentas (acho que isso explica o próximo item) que se parecem com ogros e vivem nas florestas da Noruega. Eles são tão famosos na região que estão presentes em todos os souvenirs, então não estranhe quando esses engraçados seres aparecerem na sua frente.

Se quiser saber mais sobre o assunto, leia a matéria do Mega Curioso. Conta toda a história desses personagens.

Trolls Escandinávia - Dona Viagem
Os famosos Trolls da Escandinávia!

11. Cheiros

Olha, não sei como é no inverno, mas no verão as pessoas cheiram muito mal. Quando falo isso não é um cheirinho azedinho, é fedor de não deixar você sentar perto e ainda arder o seu nariz. É uma mistura de falta de banho com roupa suja que dá até dor de cabeça. Claro que não é todo mundo, mas você vai cruzar com pelo menos um por dia que está desse jeito.

Ah, e não pense que estou falando de moradores de rua. Falo de gente que frequenta os mesmos lugares que você.

12. Formas de pagamento

Nosso querido governo não quer que gastemos nosso dinheiro no exterior com cartão de crédito, então comprar moeda é a forma mais barata de viajar. Só que na Escandinávia já existem vários estabelecimentos que não aceitam dinheiro.

Sim, você leu certo.

Todos os lugares aceitam cartão de crédito, mas passei por pelo menos 4 que não aceitavam dinheiro. Aí faz o que? Paga o IOF né…

De acordo com eles, isso acontece para evitar desvios monetários.

13. Diferença de preço

Esse eu não consegui descobrir o motivo, mas em muitos restaurantes, principalmente os mais arrumadinhos, é comum ter diferença de preço no almoço e jantar. Não estamos falando de menu executivo, é o mesmo prato. O almoço costuma ser 2/3 do preço da janta. Então a dica é: se quiser conhecer restaurantes melhores, tente ir no almoço para economizar umas coroas.

14. Orientais

Uma verdade absoluta: os orientais vão dominar o mundo!! Eles estão por todos os lugares, entram na frente da sua foto e só andam em bando.

Escandinávia - Dona Viagem
Os orientais vão dominar o mundo!

Quer conhecer mais sobre a Escandinávia??? Já dê uma conferida nesses posts sobre a Noruega! Em breve os outros países aparecerão por aqui também. 😉

Bergen muito além dos fiordes noruegueses

Sognefjord in a Nutshell: desbravando os fiordes de Bergen

 

14 fatos sobre a Escandinávia que você precisa saber
Classificado como:                

28 ideias sobre “14 fatos sobre a Escandinávia que você precisa saber

  • 14/11/2017 em 13:16
    Permalink

    Adorei as curiosidades. Legal a igualdade entre os sexos, mas banheiro unissex “is too much” pra mim hehehe… Ultimamente eu tenho percebido mesmo que vale mais à pena almoçar num restaurante bacana do que jantar no mesmo restaurante, legal saber que lá tb funciona assim. E Dinamarca, Suécia e Noruega, definitivamente é um combo incrível! Desejo real de conhecer a Escandinavia!

    Resposta
    • 14/11/2017 em 14:33
      Permalink

      Quando entrei num banheiro unisex pela primeira vez sem saber quase saí correndo! Achei que tava no lugar errado! Kkkkkk Conhecer a Escandinávia foi a realização de um sonho e valeu muito a pena!

      Resposta
  • 16/11/2017 em 09:55
    Permalink

    Amei as pontuações sobre a Escandinavia. Acho que esse resuminho facilita bastante entender e dar dicas de como devemos nos comportar por lá. Ah! A minha filha ia amar tirar fotos com os trolls porque amou o filme (apesar deles serem coloridinhos). A triste noticia é que é tão caro lá….

    Resposta
    • 17/11/2017 em 10:05
      Permalink

      Realmente não é uma viagem barata, mas vale cada centavo investido. A região é lindíssima! Pra ficar mais em conta é só não ir em alta temporada também..

      Resposta
  • 16/11/2017 em 13:25
    Permalink

    Adorei conhecer um pouquinho da Escandinávia com você!! já que não tenho planos de ir para lá por enquanto… dizem que os europeus não são muito chegados é um banho não é mesmo?? que pena!!! Rs
    Além de viagens também adoro post sobre o costumes e esse foi um deles!!! conte mais!! beijos

    Resposta
    • 17/11/2017 em 10:04
      Permalink

      Nossa, tem uns europeus que não são chegados a banho meeeeesmo!!! Isso deu pra sentir! Kkkkk

      Resposta
  • 18/11/2017 em 15:30
    Permalink

    Gostei desse post com fatos rápidos! Deu pra entender um pouquinho do lado bom e do não tão bom (narizinho sofre kk) da Escandinávia!

    Resposta
    • 19/11/2017 em 12:56
      Permalink

      Todo lugar tem seus pontos positivos e negativos! Kkk

      Resposta
  • 18/11/2017 em 22:22
    Permalink

    Adorei as curiosidades! Principalmente sobre o dinheiro.. como não aceitam dinheiro?? Hahahaha realmente a diferença é gritante! Não trombou por nenhum troll de verdade por lá não? Hahaha

    Resposta
    • 19/11/2017 em 12:56
      Permalink

      Se tiver algum troll de verdade, acho que fiquei feliz por não encontrá-lo! Kkkkk

      Resposta
  • 19/11/2017 em 11:21
    Permalink

    Duas coisas que me surpreendi em saber: a mania de esbarrar nos outros sem pedir desculpas e o mal cheiro. Duas coisas que amei saber: os banheiros unissex em consonância com igualdade de gênero e o fato de aceitarem pets na maioria dos estabelecimentos (sinais de um povo mais evoluído). Noruega ocupa o topo da minha lista de desejos e, como espero conhecê-la ano que vem, suas dicas neste post foram bem úteis (e já não terei que me estressar com o quanto tenho que dar de gorjeta).

    Resposta
    • 19/11/2017 em 12:59
      Permalink

      Ao ler sobre esses países nórdicos, a tendência é esperar algo perto da perfeição. É bom saber que até lugares assim têm “defeitos” que para nós são quase absurdos! Mas vá a Noruega sem medo de ser feliz, me apaixonei pelo país!

      Resposta
  • 19/11/2017 em 12:39
    Permalink

    Quantas curiosidades legais, curto mto posts assim. Tenho muita vontade de fazer essa trip., mas sei que ela é um pouco mais cara, planejar com cuidado kkkkk. valeu por compartilhar tantas informações. abraços

    Resposta
    • 19/11/2017 em 13:01
      Permalink

      Se for na baixa temporada com certeza vai gastar bem menos.. A diferença de preço dos hotéis é gritante! De qualquer forma, é uma viagem que vale cada centavo!

      Resposta
  • 19/11/2017 em 13:16
    Permalink

    Muito legal o post! Ja passei por Bergen, Tromso e passei 2 semanas em Svalbard. Lugares lindos mesmo, mas Svalbard estara pra sempre no meu coracao! Um lugar lindo, cheio de vida, mesmo parecendo nao ser! Fora a paisagem! Fantastico!

    Resposta
    • 20/11/2017 em 11:28
      Permalink

      Só conheci Bergen e Oslo na Noruega, mas sai completamente apaixonada. Agora quero planejar uma viagem para o interior! Com certeza tem lugares maravilhosos.

      Resposta
  • 19/11/2017 em 15:58
    Permalink

    Essas dicas foram demais rsrs, o banheiro unissex é pacaba haaha, esse do cartão pagar o famoso IOF é a sofrência nossa, agora esse “perfume” das pessoas acho que é uns trolls infiltrados no meio da população haahahaha, “Os orientais vão dominar o mundo” haahahah, só vi verdades aí, em qualquer lugar eles andam de bando rsrs, adorei esse post, parabéns.

    Resposta
    • 20/11/2017 em 11:29
      Permalink

      Obrigada!!! Curti a teoria dos trolls infiltrados! Hahahah

      Resposta
  • 19/11/2017 em 22:48
    Permalink

    Ahhh adorei as curiosidades!! Sou doida para conhecer esses países, mas realmente é uma viagem mais cara, então precisa de planejamento! Acho demais que eles têm animais e que podem levar para quase todos os lugares.

    Resposta
    • 20/11/2017 em 11:30
      Permalink

      É uma viagem mais cara, mas vale cada centavo investido! A região é magnífica!

      Resposta
  • 19/11/2017 em 23:15
    Permalink

    Super curioso o seu post. Para o visitante, é meio chato ter que levar moeda de todos os países. A lógica é, se entrou na união europeia, então deveria adotar o euro.. kkk..
    Sobre o pagamento, muita gente acha que levar $$ em cash sai mais barato do que pagar com cartão de crédito. Muitas das vezes não, pois a agência de cambio cobra 0,1 de comissão que significa 10% do total. O iOf do cartão é até 7%.
    Sobre o cheiro do povo, estou HORRORIZADA!!! Eles aparecem na tb tão lindos e belos. Cruz credo ter que conviver com gente fedorenta.. kkkk…
    Meu último comentário vai para a licença paternidade: que maravilha! Uma ótima conquista para a humanidade!

    Resposta
    • 20/11/2017 em 11:34
      Permalink

      Diante de tantas mudanças e avanços, é um atraso termos o famoso IOF.. Trocar dinheiro acaba saindo caro (troca real por euro, depois por coroa) e corre o risco de você ficar com uma moeda empacada na mão que talvez nunca mais vá usar.
      Sobre a paternidade, dá gosto de ver! É muito legal presenciar essa igualdade de direitos. Quem sabe um dia a gente chega lá…

      Resposta
  • 20/11/2017 em 16:03
    Permalink

    Adorando a série sobre a Escandinávia Manu, eu sou louca pra conhecer essa parte da Europa. Tá nos planos, mas ainda não sei bem quando vou conseguir. Dei risada da parte dos cheiros, senti isso na França também, essa cultura de não tomar banho todos os dias é bem complicada ainda mais no verão, entrei em estações de trem que tinham um péssimo odor…

    Resposta
    • 21/11/2017 em 09:12
      Permalink

      Europeu está tão acostumado com o frio que esquece que no verão usa-se menos roupa e se sua mais! Não é à toa que os perfumes franceses são conhecidos como os melhores do mundo.. Kkkk

      Resposta
  • 20/11/2017 em 18:55
    Permalink

    Que fatos curiosos.. mas não topo essa de banheiro unissex. E isso de não aceitar dinheiro, que louco. Sobre o odor passei mal em Paris e em Roma, com pessoas que fediam muito e para piorar eu estava grávida (ficamos com o olfato mais apurado nessa condição).

    Resposta
    • 21/11/2017 em 09:13
      Permalink

      Imagino o sofrimento com cheiro quando estava grávida! É terrível! Quanto ao dinheiro, tem lugar que você simplesmente não tem opção.. É unissex e ponto final.

      Resposta
  • 20/11/2017 em 22:22
    Permalink

    Gostei muito dos fatos, achei engraçados haha! Tô a fim de experimentar dessa água de torneira premiada, que coisa chique. Pena que terei de gastar muitas coroas, afinal tudo é caro, não é? E ainda me deparar com umas pessoas fedidinhas, risos (que eufemismo o meu). E, antes de ter um filho, acho melhor me mudar pra lá, né? Lá se tem alguma dignidade como pai, hahahaha!

    Valeu! Belo post!

    Resposta
    • 21/11/2017 em 09:15
      Permalink

      Pior que a água é gostosa mesmo! Hahahah As coisas não são baratas, mas valem demais o investimento. Sobre filhos, acho justíssimo se mudar pra lá! Isso sim é país evoluído!

      Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *